In news

O Vimeo recebeu recentemente uma acção judicial colectiva no estado norte-americano do Illinois por aparentemente colectar e armazenar dados biométricos de usuários. 

De acordo com o processo submetido à justiça Illinois, a empresa teria “criado, colectado e armazenado dados biométricos de usuários” (com o seu aplicativo denominado Magisto), que poderiam ser utilizados para alimentar bancos de dados de tecnologias de reconhecimento facial.

Segundo o site Brainstorm 9, esta colecta acontece tradicionalmente em diversos serviços online, mas o processo alega que o Vimeo não teria notificado os seus usuários sobre este procedimento e, portanto, não teria obtido consentimento destes para armazenar tais informações, violando o Acto de Privacidade da Informação Biométrica (BIPA).

Por enquanto o processo contra o Vimeo ainda não tem data marcada para o seu julgamento.

Recommended Posts
0