In news

Esta mudança não é propriamente uma novidade, uma vez que foi anunciada pela marca no Verão de 2018, altura em que, por exemplo, no Reino Unido, já era possível encontrar latas e garrafas com a nova imagem.

O que está em causa é o desaparecimento das latas cinza, douradas e em preto, das três variantes de Coca-Cola (Zero, Sem Cafeína, Light) e uma aposta total no vermelho. As latas de Coca-Cola passam, assim, a ser quase 99% vermelhas, uma vez que apenas uma pequena faixa no topo vai identificar cada uma das diferentes versões da marca do refrigerante.

Juntamente com esta mudança estética, vêm novos nomes para as três versões de Coca-Cola que existem na Europa.

Uma das principais mudanças é mesmo o desaparecimento da denominação ‘Zero’ (agora é o ‘Sem’), que entrou bem no mercado Europeu e que vai ser difícil de deixar de ser usada pelos consumidores.

Para comunicar esta mudança em Portugal, por exemplo, tinha sido anunciada nos finais de 2018 em vários outros países, a Coca-Cola lançou um anúncio de dez segundos criado pela agência de publicidade McCann Madrid.

Recommended Posts
0