Campanha da Ram criticada por usar discurso de Martin Luther King

 In news

A fabricante de carros Ram, lançou recentemente uma campanha especial durante o Super Bowl 2018 (principal liga de futebol americano dos Estados Unidos), que não agradou em nada os telespectadores.

No vídeo, a empresa mostra cenas de pessoas que se ajudam, enquanto a narração é um discurso de Martin Luther King. No fim, a frase “Built to Serve”, ou simplesmente “Construído para Servir” (traduzindo em português), é mostrada na tela juntamente com o logótipo da marca.

O que incomodou grande parte do público, foi justamente a utilização do discurso de Luther King fora do contexto, afinal, sua fala sobre direitos iguais para todos não tem nada a ver com possuir um carro Dodge Ram.

O conturbado momento que envolve protestos até mesmo de jogadores da liga do futebol americano, contra a opressão racial e a brutalidade da policia contra os negros no país, também é um factor que se supõe que tenha contribuído para que a campanha seja vista como inadequada.

De referir que, a Ram não havia divulgado o anúncio antes, o que segundo o The New York Times, poderia ter evitado a repercussão da campanha vista por mais de 100 milhões de pessoas.

Recent Posts